Libertadores 1997 – 10 anos

Hoje, 13 de agosto de 2007, completam-se 10 anos do título da Libertadores 1997.
O título da superação, da raça e da garra dos jogadores celeste naquele ano.
O Cruzeiro que começou a competição muito mal e reverteu toda ela a seu favor, ganhando no sufoco, decisões por penaltys e final magra de 1×0.

Jogadores de linha na época, se entregaram como nunca no mesmo ideal, jogadores tão técnicos como era o Palhinha dava carrinhos ajudando a marcação, Gottardo(foto) maestra tudo como capitão da equipe, Fabinho era pura raça e Dida, a barreira celeste, o “muro azul”.
Foi um título histórico, nossa segunda Libertadores, pela segunda vez, o Cruzeiro se tornaria o melhor time da América do Sul.

A campanha:
Jogos: 14
Vitórias: 7 / Empate: 1 / Derrotas: 6
Gols feitos: 15 / Gols sofridos: 12 / Saldo: 3

A partida final:

CRUZEIRO 1 x 0 SPORTING CRISTAL

Motivo: 2ª rodada (Finais) da 5ª fase da Taça Libertadores
Data: 13/08/97
Estádio: Mineirão
Público: 95.472
Renda: R$ 888.072,50
Árbitro: Javier Castrilli (ARG)
Gol: Elivélton (30, do 2o tempo)
Cruzeiro: Dida, Vitor, Gélson, Gottardo, Nonato, Fabinho, Ricardinho (Da Silva), Donizete, Palhinha, Marcelo Ramos, Elivélton. Técnico: Paulo Autuori.
Cristal: Balerio, Rivera, Morengo, Asteggiano, Solano, Torres (Serrano), Garay, Soto, Julinho, Bonnet (Ismael), Amoako (Carmona). Técnico: Sérgio Markarian.

FONTE: Cruzeiro Esporte Clube (veja toda a campanha no site)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: